Seguidores

quinta-feira, 20 de outubro de 2011

Porque nada é para sempre nessa vida



Steve Jobs morreu assim como morrem todos os dias outras pessoas, pessoas comuns que só os mais chegados tiveram oportunidade de conhecer, conviver e falar delas. Como eram, o que fizeram de bom ou não. Porém a vida de Steve Jobs por ser quem era, fez o mundo inteiro falar dele e de suas ideias brilhantes que  foram além do profissional. Ficamos conhecendo o que ele falou e deixou escrito sobre o viver e o morrer. Particularmente achei bonito, gostei do que li. 
"Lembrar que eu logo vou estar morto é a ferramenta mais importante que eu já encontrei pra me ajudar a fazer grandes escolhas na vida".
"Ninguém quer morrer. Mesmo as pessoas que querem ir para o Céu não querem morrer pra chegar lá. E mesmo assim, a morte é o destino que todos nós compartilhamos".
"Tenha coragem de seguir seu coração e sua intuição".
                                                                               (Steve Jobs)
Quando se é jovem, criança ou adolescente, ou mesmo adulto, costumamos  viver os dias sem pensar no amanhã no sentido de último dia. Essa compreensão, apesar da minha idade, não esteve sempre comigo, confesso. Pensamos no amanhã nas atividades práticas do dia a dia como trabalhar, passear, comprar, viver. E esse amanhã se repete milhares de vezes pra muita gente. Com o passar do tempo os afazeres do cotidiano por mais que tome o nosso tempo, ainda sobra algum pra dar lugar àqueles pensamentos que vão além do que nossos olhos veem. Por melhor que estejamos uma inquietação ou insatisfação vai se instalando. Raramente nos criticamos por nossos atos e mesmo que o façamos, percebemos que não fizemos o que era primordial: o preparar-se para o outro lado.
E o dia que isso começa a fazer parte da mente, ele fica lá martelando. É a hora de refazer os caminhos trilhados procurando esse algo a mais ou começar dali. Tudo depende só de si mesmo, é como arrumar uma mala pra viagem, decidimos o que levar e tudo deve ser acomodado sem deixar nada fora do pretendido.
Leva tempo, mas é preciso fazer e saber deixar fora o que não serve mais porque chegada a hora, vamos sós, assim como viemos.

16 comentários:

Sabor de Pitanga disse...

É, Shan, adorei o texto! Mesmo porque, ultimamente, tenho pensado muito nesse tema... nós temos muito isso em nós: acumular coisas, riquezas, coisas materiais e, sem nos lembrar (quase sempre) que o amanha poderá nem chegar!...
Ultimamente tenho pensado muito nisso! Tanto que, quando compro algo para mim, pergunto-me - interiormente - quem herdará isso de mim? Até mesmo as minhas fotografias, cartoes de máquina fotográficas que nunca apago etc. Coisas que têm um significado para mim... e, para o "herdeiro" terá o mesmo valor? Com certeza que nao...
É por isso mesmo que acabei de fazer uma "limpa" nos meus armários: doei coisas que, talvez, há 10 anos atrás, nao daria com o mesmo desapego de hoje! Mas isso é uma questao de exercício e eu estou me trabalhando para chegar ao ponto que, realmente, devo chegar... há coisas que AINDA nao quero me desligar delas! Todavia, sendo eu humana, isso é bem normal. O mais importante é o exercitar!

Beijos e bom dia.

Rui Pires - Olhar d'Ouro disse...

Bonito texto e as palavras que Steve Jobs falou, elas já existiam, ele apenas lembrou pois o ser humano esquece facilmente que não é nada neste mundo e do que pode disfrutar equanto cá anda, nem sempre o faz da melhor forma... e cria guerras, matam-se uns aos outros...

Bj

José Sousa disse...

Lindissimo mesmo querida shan-tinha!

Adorei o texto e então aqui lhe deixo uma frase feita por mim. "Se a Deus podesse pedir alguma coisa, pedir-lhe-ia um máquina com a qual podesse construir a felicidade de todos".

Um beijão.

Georgia disse...

Oi querida, tudo bem?

Que belo texto e que linda reflexao ele nos traz. Esta é a única certeza que temos: que um dia partiremos.

Ninguém gosta de pensar sobre isso e nem mesmo falar sobre isso.

Eu penso e procuro preparar os meus filhos para este dia de separacao. Sempre lhes digo que eu gostaria que eles saíssem e fossem tomar um belo e gostoso sorvete em minha recordacao.

Um bjao

Maggie May disse...

é irônico que a única certeza que temos na vida é a da morte!

Evanir disse...

Hoje minha visita é para anunciar
uma novo circulo de minha vida.
Continuarei com as homenagens
que é a razão do blog (A VIAGEM)
A imagem escolhida por mim no novo visual
tem tudo a ver com o futuro, não só do blog,
mas da surpresa que a qualquer
momento será anuciada no blog.
Hoje sou parte da vida de cada
pessoa amiga e tão amada por mim,
também sou membro do Clube dos Novos Autores.
Com muita alegria convido você a paricitipar com
todos nós do clube também.
Minha Viagem prossegue amando e acarinhando todas
minhas lindas amizades.

Deixando um pedido muito importante para mim.
Eu não estou deixando vocês ,
E sim, entrarei na casa de cada um de vocês.
Conto com o carinho de sempre em meu blog,

Esteja comigo como sempre estiveram
Deus estara com você e comigo.
Segure nas mãos de Deus e na minha e vamos nessa
Deus já abençoou.
Com carinho.
Um feliz final de semana beijos.
Evanir

La sonrisa de Hiperión disse...

Siempre estupendas las cosas que nos dejas...

Saludos y buena tarde de viernes.

Nice Bacchini disse...

Viver com alegria, aproveitando cada momento,´pois nada duram para sempre, nem a nossa vida... adorei refletir com vc Shan... bom fim de semana... bjss

RosanAzul disse...

Olá Tinha! Como vai?
Uma bela postagem!
Pois é... além de toda tecnoliga que ele nos deixou em suas invenções, ficou acima de tudo a mensagem de vida maravilhosa...
E é por isso que devemos estar sempre preparados, porque nunca sabemos o dia nem a hora e cada minuto da nossa vida é precioso e são nossos atos e virtudes que vão contar... é isso que levaremos na nossa malinha... Acho que nunca estamos suficientemente preparados... mas, vamos treinando... não tem outra solução!! Todos nascemos com esta certeza...
Um grande abraço Tinha! Paz e Luz!
Rosana
PS. Também andei tirando fotos de um ipê! hehe Estavam lindos este ano não é??

Larissa Bohnenberger disse...

É difícil pensar nisso, né? Eu admito que pra mim, a ideia de um dia morrer é um tanto quanto surreal. Mas fico apreensiva quando penso na morte relacionada à alguém próximo. Por mais que ninguém queira morrer, acho que deve ser mais fácil do que ver alguém que se ama muito partir. Sei lá. Não gosto muito de pensar sobre o assunto!

Super beijo, Shan!

O Profeta disse...

Senti nos pés o pulsar da ilha
Um farol avisa o longe do perto
A lava encoberta na costa dormente
Sete rumos e apenas um certo

Neste Mar senti a vontade de prantear
A nudez da noite no encontro do silêncio total
Encobriu meu pranto das estrelas
Uma zombeteira Lua marcou no dia o encontro final

Mágico beijo

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga

A morte
traz em si
um paradoxo:
nos devolve o
desejo
de alegria,
perdida nos anos
que gastamos
com a busca
do sucesso,
que nos tira
o sorriso...


Que sempre existam mãos
para "carinhar" o teu dia.

shan-Tinha disse...

meus queridos amigos é gratificante e me sinto muito feliz pela visita e as palavras que aqui deixam, obrigada! bj grande a todos!

RosanAzul disse...

Oi Tinha... ta sumida amiga...
Senti tua falta...
Aproveito para deixar um abraço para toda a turma! Um bom fim de semana!
Beijos, RO

Georgia disse...

Querida amiga, estou preocupada contigo.

Tá tudo bem por ai?

Um grde beijo

Bergilde disse...

Shan,
Abraço carinhoso!
Temos nos encontrado(tenho te seguido pelo face),mas gosto de vir aqui também ver suas postagens e essa é bela embora fale de um tema que poucos encaram de frente,a morte que de fato é a única certeza que temos estando vivos.