Seguidores

domingo, 10 de abril de 2011

Corrida de rua movimenta manhã de domingo em Joinville

Curitibanos e joinvilenses foram destaques entre 500 participantes da Joinville 10Km

 

 

Mulheres na pista

http://wp.clicrbs.com.br/mulheresnapista/?topo=84,2,18,,,84

Eu sabia que a Marli, ex-vizinha de prédio participaria, então acordei cedo e fui lá conferir. Tinha gente de todas as idades, a inscrição era livre.

Cheguei e logo encontrei além da Marli, mais três mulheres conhecidas: Nancy, Ivelane e Karin  que já participou de outras corridas e tem alguns troféus na categoria da idade dela. As outras,  nem sabia que corriam nem tenho conhecimento a respeito. Das quatro, a Marli e a Karin são professoras e a Ivelane e a Nancy são ex-professoras. A Karin e a Ivelane estavam com os maridos que também participaram da corrida. Lindo não é mesmo?!


 

 

 

 

 

 


 

 


 

paraatletas da  escolinha paraolímpica, conhecido como Cepinho

 

 

Vi também Ádria dos Santos  que de acordo com o Comitê Paraolímpico Brasileiro é a maior medalhista feminina paraolímpica do Brasil.

Ádria perdeu a visão devido à retinose pigmentar e do astigmatismo congênito, perdendo totalmente a visão em 1994.
Começou a carreira de velocista em 1987, aos 13 anos de idade, no Instituto São Rafael, uma escola especial para deficientes visuais em  Belo Horizonte.

 Ádria dos Santos  - Crédito: Jessé Giotti

Ádria dos Santos

 

 

         
                                       Crédito: Jessé Giotti
Crédito: Jessé Giotti

 confira mais fotos aqui

 

 

 

Um comentário:

Rui Pires disse...

Voce tb devia ter corrido...rsrsrs!

Rui